quarta-feira, 21 de novembro de 2012

E vem o aviãozinho no ar.....

Nos últimos tempos tenho tido o prazer de, de vez em quando, passar de carro na estrada paralela à pista do aeroporto de Lisboa. E digo-vos: Aquilo é cá uma pica ver os aviões a descer, que me passo toda. A sério, compreendo perfeitamente aqueles "maluquinhos" que se dão ao trabalho de ficar ali, encostados à rede que separa a área de aeroporto das áreas comuns, de máquina fotográfica em punho, a ver os aviões a poisar.
É ver uma luzinha ao longe, que depressa se torna numa luz mais viva, que se alinha com a pista, que está mesmo ali ao nosso lado e ao mesmo tempo tão distante ainda, e que depressa se coloca direitinho e a uma velocidade constante e altitude decrescente a sobrevoar todo aquele alcatrão que há-de ser o seu poiso dali a alguns segundos.
A sério: Aquilo é lindo! É quase um momento mágico ver aquele monstro dos ares, descer e aterrar com tamanha suavidade. Por mais que veja, aquilo é sempre uma emoção. É lindo! E percebo a panca que muita gente tem por aviões. E eu que sou gaja, assumo que também tenho um bocadinho. Porque aquela visão diária e mágica da aterragem, é simplesmente um feito humano do caraças!

Um comentário:

tralhasdemulher disse...

nunca estive a ver assim com atenção, mas deve ser super giro... concordo contigo, é daquelas coisas que os humanos fizeram que são fantásticas!