quinta-feira, 20 de julho de 2017

Vírus Maldito

Anda cá por casa um bicho que nem vos conto.
Primeiro foi o meu filho. Fui buscá-lo um dia à escola e disse-me que tinha dores de barriga. Noite a vomitar, dieta, mas andou 1 semana com dores de barriga e a fazer-me dormir metade da noite no sofá para o acompanhar enquanto não conseguia dormir. Numa ida às urgências (pois achei que já estava a demorar tempo a mais a recompor-se), teve de fazer um clister pois tinha as fezes já demasiado duras.. conclusão: Este bicho, em vez de dar diarreia, prende os intestinos.
Lá foi melhorando e só 1 semana e meia depois do início de tudo, é que o dei como curado e lhe comecei a dar outra comida que não dieta. Logo a seguir foi o Pai que, de um dia para o outro ficou com cólicas durante a noite, sem apetite e anda quase há uma semana a canja e maçã cozida. Hoje que parecia estar tudo a melhorar telefonam-me da escola onde a pequena anda no ATL de praia: "Ah, era para dizer que a tenho aqui comigo assim muito chorosa porque diz que lhe dói a barriga". Pronto, fiz logo o filme todo. Vai recomeçar tudo outra vez. Neste momento estou em casa com ela deitada no sofá a queixar-se da barriga. Tenho uma bela noite pela frente e mais um fim de semana lindo. Socorro!!! Mas que raio de bicho é este que demora tanto tempo a incubar, e demora mais de uma semana a sair dos corpos?
Uma coisa é certa: Está tudo elegantíssimo para irmos de férias para a praia. Ah, só mais uma coisa: Eu ainda não apanhei nada. Serei a próxima?

segunda-feira, 10 de julho de 2017

A meio do percurso

Em 2015, no final de setembro, comecei a correr. Precisava fazer exercício físico mais intenso por causa da ansiedade, para ver também se me diminuia o número de batimentos cardíacos e melhorava a tensão arterial. 
Quando comecei, nem 2 minutos aguentava. O meu objectivo era atingir 10 km de corrida para entrar nas provas e conseguir acompanhar a maioria das pessoas que conheço e que correm.
Mas o desafio mostrou-se bem mais severo do que pensei inicialmente. Tentei um treino que vi na net, e que supostamente me colocaria a correr 40 minutos seguidos em 3 meses. Como deveria fazer treinos 3x por semana, a coisa foi-se alargando demasiado no tempo, pois só conseguia fazê-lo 1x por semana. Às vezes desmoralizava, mas depressa me disseram que a treinar só uma vez, era difícil evoluir.
Mas a minha vida não me dá mais tempo, e cada um faz o que pode. Por isso, quase a fazer 2 anos em que iniciei esta jornada, ao dia de hoje já consigo sim correr 40 minutos seguidos, mas só estou a meio do desafio, pois ainda vou em 5 km. Tendo em conta que treino sozinha, corro sozinha e não gosto de me aventurar demasiado devido à minha ansiedade, sinto que já consegui atingir um grande patamar. Mas ainda estou longe. Muito longe dos 10 km. Serve este meu feito atual para perceber que realmente o corpo tem vindo a ceder aos poucos e que, grão a grão, lá vou aumentando a minha capacidade física. Mas é bem mais difícil do que pensava. No final de cada corrida fico derreadinha o resto do dia, embora com uma ótima sensação... devem ser as endorfinas...eheh
E pronto, era só isto. Vou a meio. Se calhar daqui a mais 2 anos consigo chegar ao objetivo .. errrr