segunda-feira, 18 de março de 2013

Abelhas perseguidoras

As abelhas andam a perseguir os meus filhos.
Há mais ou menos 3 semanas foi ela. Chegou a casa e mostrou-me o seu dói-dói no pulso que, segundo ela, tinha sido uma picadela de abelha. Como na escola nada me disseram achei estranho e perguntei:
- "Filha, como sabes que foi uma abelha que te mordeu?"
(ela, toda despachada)
- "Então, porque eu vi-lhe as riscas. Olhei para o lado e quando me viu distraída, picou-me"

O que é certo é que já lá vão umas semanas e a marca ainda lá está. Por isso, deve ter sido mesmo verdade.

Hoje, foi ele. A brincar no parque, uma abelha agarrou-se-lhe ao dedo indicador, e Zás! Com ferrão e tudo!
Mas o que se passa, minhas amigas abelhas Maias? Andam "doudas" ou quê?
Nos meus meninos ninguém mexe, ouviram?
AI!!!


2 comentários:

Pucca disse...

E deve ter sido doloroso!

Ana Rita disse...

Compreendo a dor e a aflição dos pequenotes, mas a filhota ter visto as riscas da abelha é demais! :)
Ai as crianças!